Campanha Nacional de atualização vacinação contra o sarampo inicia segunda.
sexta-feira, 04 de outubro de 2019


A Campanha Nacional de Vacinação contra o Sarampo acontece em duas etapas, a primeira para crianças de 6 meses a menores de 5 anos (4 anos,11 meses e 29 dias) não vacinadas, que já começa nesta segunda-feira, 7, e segue até 25 de outubro, o dia D, de mobilização nacional será 19 de outubro. E a segunda etapa para jovens de 20 a 29 anos, que acontecerá em novembro no período de 18 a 30.

Para Grasieli Richetti da Silva, enfermeira do setor de epidemiologia da secretaria municipal de saúde, o momento da campanha é muito importante para proteger as crianças, pois é oportunidade de atualização do cartão de vacina para crianças menores de cinco anos.

De acordo com o Ministério da Saúde, a priorização do grupo das crianças menores de cinco anos, na primeira etapa, deve-se à elevada incidência da doença nesta faixa etária, considerando os surtos registrados em 2019. As crianças menores de 5 anos de idade apresentam maior risco de desenvolver complicações, tais como cegueira, encefalite, diarreia grave, infecções no ouvido, pneumonias e óbitos pelo sarampo.

A vacina no SUS é segura e estará disponível em todas as unidades de saúde do município. “É interessante que os pais vejam se a criança já têm duas doses, recomendado pelo Ministério da saúde, e no caso de dúvida compareçam em umas das unidades de saúde, munidos da carteira de vacinação para orientação. E os bebês ao completar seis meses já devem   receber a dose zero e depois com 12 m e 15 meses fazerem as doses de rotina, que estão previstas no calendário de vacinação”, lembra Grasieli.

O sarampo é uma doença prevenível por vacinação. Os critérios de indicação da vacina são revisados periodicamente pelo Ministério da Saúde e levam em conta: características clínicas da doença, idade, ter adoecido por sarampo durante a vida, ocorrência de surtos, além de outros aspectos epidemiológicos.