Previsão do Tempo
°max. °min.

Prefeitura Municipal de Dois Vizinhos

Banner DV
Publicado em

52 anos: Dois Vizinhos se prepara para onda de grande crescimento

30 07 dois vizinhos IDH 

Dois Vizinhos está há um bom tempo na casa dos 30 mil habitantes. No último censo do IBGE (2010), Dois Vizinhos teria 36.179 habitantes. Com as projeções de investimentos até 2014 é bem provável que Dois Vizinhos em poucos anos deverá não só avançar na casa dos 40 mil, mas também perseguir os 50 mil habitantes. O embasamento para essa constatação são os gigantescos investimentos industriais, empresariais e públicos previstos a médio prazo. No setor industrial, a BRF lidera o ranking de investimentos. São mais de R$ 150 milhões de reais na expansão da unidade nos últimos anos. Os investimentos na ampliação do abatedouro da BRF devem elevar o abate de frangos para 705mil/dia. Só entre 2013 e 2014 são R$ 49 milhões que estão sendo investidos em automação e modernização dos processos industriais da unidade. São dezenas de novos empregos sendo gerados todos os meses. A estrutura vem sendo preparada para um aumento de 40% na produção desde que o investimento foi anunciando em 2010. Já no setor de confecções, só a ampliação da maior fábrica de jeans do município prevê 500 novos empregos gerados nos próximos anos. Outro destaque, com grande visibilidade para quem circula pelo centro norte, é a construção da sede própria da CISS, uma das principais empresas do país em desenvolvimento de software. Em fase adiantada de construção, a nova sede tornará possível praticamente dobrar o número de empregos gerados. Outras empresas do mesmo setor também são destaque nacional e estão ampliando suas estruturas em Dois Vizinhos. Outro fator chave no otimismo do futuro do município é a Universidade Tecnológica Federal do Paraná. A transformação que a Universidade proporcionou no meio social e cultural já é visível, mas é apenas o começo. Além da excelência em ciências agrárias, novos cursos vão gerar mais oportunidades para os estudantes duovizinhenses e atrair centenas de jovens de todo o Brasil. Para garantir a estrutura necessária os investimentos federais não param. O campus de Dois Vizinhos tem sido um dos mais ativos na ampliação da estrutura física e humana.

Estes exemplos são apenas alguns que dão ênfase a grande pujança de todo o setor produtivo do município. Tanto os setores industrial, comercial e prestação de serviços, quanto o setor agropecuário estão levando Dois Vizinhos a um novo patamar de crescimento e qualidade de vida. São técnicos, professores, doutores, novos cérebros pensantes, mais qualidade de vida e muitas oportunidades para toda a população duovizinhense. Todo este otimismo embasa a preocupação que a administração municipal tem tido no sentido de recompor o equilíbrio administrativo e financeiro do município.

 

Para dar suporte ao crescimento, administração quer equilíbrio financeiro e planejamento estratégico total na prefeitura

 

Se o município cresce, aumenta a demanda por serviços públicos. Para ter condições de oferecer esse suporte, a prefeitura precisou batalhar frente a um dos maiores desafios de sua história: mais de doze milhões de reais em dívidas vencidas ao longo de 2011 e 2012. Para reestabelecer a ordem financeira a nova gestão implantou uma firme estratégia de economia, planejamento e austeridade, que está sendo rigorosamente seguida desde o início do ano. Embora as dificuldades ainda estando presentes no ano vindouro, já que o município ainda tem R$ R$ 4.985.531,05 para pagar, neste ano a estratégia administrativa adotada se demonstrou correta, com o município conseguindo pagar R$ 6.693.483,91 das contas vencidas. “A determinação do prefeito Raul Isotton foi a de que deveríamos buscar o equilibro das contas municipais e garantir respeito ao dinheiro público. E assim, todas as medidas administrativas adotadas neste ano seguiram esse direcionamento”, declara o Chefe Geral de Governo, Sérgio Marchese. Ele também enfatiza que embora o município tenha tido praticamente toda a sua capacidade de investimento comprometida pelas dívidas, muitas conquistas aconteceram durante o ano. “Foram mais de quatro milhões e duzentos mil reais em máquinas, veículos, ônibus escolares e outros em conquistas junto ao Governo Federal, com contrapartidas do município, além de investimentos próprios”, ressalta Sérgio. Já a Secretária de Finanças e Orçamento, Márcia Besson Frigotto, salienta que para vencer este ano foi preciso ser incansável na busca de organizar todo o setor financeiro e gerencial, com muito planejamento, estudo e decisões estratégicas. “O nosso empenho foi total para colocar o município em ordem. Evidente que Dois Vizinhos poderia ter tido um ano muito melhor se não precisasse direcionar tanto dinheiro e esforços para pagar contas do passado, mas diante do que o município estava mergulhado qual seria o outro caminho? Acreditamos que o rigor administrativo e organizacional implantado neste ano será determinante para grandes conquistas que o município terá a partir de agora. Só com o equilíbrio financeiro retomado e uma administração pautada na organização é que Dois Vizinhos poderá ter condições de dar suporte ao grande salto de desenvolvimento e qualidade de vida que seguramente teremos nos próximos anos”, declara Márcia. Na área de projetos e planejamento, o Secretário Mauri Ferreira dos Santos tem uma série de conquistas realizadas e mais ainda sinalizadas pelo Governo Federal. “Estamos levando este trabalho com absoluta seriedade. Sabemos que dele depende grande parte do futuro de Dois Vizinhos”, destaca Mauri, mostrando o relatório dos mais de quatro milhões e duzentos mil reais conquistados durante 2013 e os mais de doze milhões de reais sinalizados pelo Governo Federal ao longo de 2014 e 2015, entre eles a UPA – Unidade de Pronto Atendimento, que sozinha receberá R$ 2.200.000,00 de investimentos do Governo Federal. “A Secretaria de Planejamento, como o setor de planejamento da Saúde e Educação, estão totalmente focados e atentos às oportunidades do Governo Federal, bem como às emendas de todos os deputados federais que defendem Dois Vizinhos em Brasília”, enfatiza o secretário, elencando conquistas de todas as secretarias ao longo de 2013.

Os demais secretários também enaltecem o sentimento de superação. Num ano onde o município foi duramente castigado pelas chuvas, diante das vitórias frente aos enormes desafios enfrentados, a administração conclui 2013 com a sensação e a certeza de dever cumprido, somando vitórias em cima de problemas gigantescos e estruturando Dois Vizinhos para franco crescimento nos próximos anos. O prefeito Raul Isotton destaca a importância das ações estratégicas adotadas em 2013. “Com Dois Vizinhos organizado e com as finanças em dia será possível fazer o melhor que sonhamos para nosso povo. Reconhecemos o valor do trabalhador urbano e rural, das nossas instituições e do empresariado local, que acreditam e investem aqui. Juntos estamos preparando Dois Vizinhos para o maior salto de crescimento e de  qualidade de vida de sua história. Estamos totalmente empenhados em preparar o município para dar suporte a todo o progresso que temos  pela frente. Sem o município estar organizado, nem sequer conseguimos dar o mínimo de suporte às empresas que aqui investem. Dois Vizinhos é pujante por sua história, por seu povo e por suas riquezas. Isso é a certeza de que a administração municipal está colocando ordem nas finanças, com planejamento estratégico na gestão, preparando o município para que em pouco tempo dê o seu melhor na condução de obras e serviços, o que somado ao que a iniciativa privada e nossas instituições estão fazendo, nos dão a certeza de que  podemos ver nascer desde já um Dois Vizinhos muito, muito melhor com certeza”, conclui o prefeito.

 

Obras e Conquistas de 2013

 - Asfaltos no Parque Lago Dourado, prolongamento da avenida Salgado Filho, trecho da rua Goiás e toda a rua Dom Pedro II, rua Dom Pedro, Rua Heitor Ferrari Hablich, rua Tiradentes, rua Wenceslau Braz, ruas Marques do Amaral, Atanásio Pires e José Cleto – R$ 565.000,00.
- Oito ônibus novos para o transporte escolar – R$ 1.873.120,00.
- Ambulância com UTI Móvel – recursos próprios. Será a primeira UTI móvel do município (aguardando a entrega pela fábrica em até 120 dias) – R$ 205.000,00.
- Uma motoniveladora (patrola) R$ 402.100,00.
- Duas retroescavadeiras – R$ 325.000,00.
- Uma pá carregadeira – R$ 332.000,00
- Seis associações beneficiadas com Patrulhas Agrícolas, com tratores e equipamentos, sendo cinco já entregues, com valor total aproximado de – R$ 1.000.000,00.
- Seis veículos novos para atender o setor administrativo e secretaria de saúde.
- Uma escavadeira hidráulica – R$ 425.000,00.
- Recuperação das estradas, pontes e bueiros do interior, que por mais de uma vez foram destruídos pelas chuvas durante o ano.
- O período mais ativo da história cultural de Dois Vizinhos, com dezenas de apresentações, atividades e a volta do cinema.
- Dois Vizinhos consagrou-se como o terceiro melhor IDH (Índice de Desenvolvimento Humano) do Sudoeste e 11ª do Paraná.
- Mais de sete mil livros em 22 bibliotecas entregues às escolas e CMEIS do município – R$ 91.000,00.
- Implantação do programa de melhoramento genético do gado leiteiro.
- Ampliação da agricultura familiar na merenda escolar, aumentando em 300% o número de famílias beneficiadas.
- Mais de 100 casas rurais foram construídas e entregues neste ano, um recorde no setor, utilizando recursos do Governo Federal, através do Programa Minha Casa Minha Vida.
- Conquista do Colégio SESI para Dois Vizinhos.
- Quadra de Esportes no loteamento Bem Morar (bairro Santa Luzia) – 585.000,00.
- Inserção do Hospital Pró-Vida no Programa Mãe Paranaense, tornando novamente o hospital uma referência em atendimento à gestante.
- Grandes conquistas no esporte, com destaque para o futebol, vôlei e handebol, que ficou como a 4ª melhor equipe do Paraná nos Jogos Abertos.
- Liderança na geração de empregos na região.
- Cumprimos com sucesso o ciclo de Conferências que debateu Dois Vizinhos para os próximos quatro anos, levando o município a pensar para além do mandato administrativo..
- Assistência Social e APMI – Referência regional, com a vinda de municípios vizinhos conhecer o trabalho realizado, inclusive com a conquista de prêmio nacional pelo CRAS Norte.
- Pagamento das dívidas vencidas até 31/12/2012 e que deveriam ter sido pagas até aquela data, mas que foram pagas pela atual administração ao longo de 2013 – R$ 6.693.483,91 (ainda restam pagar em dívidas vencidas R$ 4.964.124,85).
 

Investimentos em andamento:
- Ampliação da estação de tratamento de esgoto, com recursos com Ministério da Saúde/Funasa, com contrapartida de 10% da SANEPAR – R$ 1.518.043,02, mais ampliação do Sistema de Abastecimento de Água, com novo reservatório no bairro Nossa Senhora de Lourdes – R$ 1.155.064,52.

 

 

Algumas conquistas garantidas ou com sinalização positiva, seja por emendas parlamentares ou pelo Governo Federal:

- Unidade Central de Saúde (nova secretaria de saúde) – R$ 512.000,00.
- Reforma do atual prédio da secretaria de saúde – R$ 75.000,00.
- Unidade Básica de Saúde no bairro Sagrada Família – R$ 408.000,00.
- Calçamento no interior (Governo do Estado) – R$ 551.000,00 (a liberar).
- Aquisição de equipamentos para o setor de saúde – R$ 200.000,00.
- Construção de Escola no loteamento Bem Morar (bairro Santa Luzia) – R$ 1.024.000,00.
- Asfalto urbano, incluindo recapeamento em algumas avenidas – R$ 500.000,00.
- UPA – Unidade de Pronto Atendimento 24 horas. Conquista que vai revolucionar o atendimento da saúde em Dois Vizinhos – R$ 2.200.000,00.
- Ampliação do Posto de Saúde Jardim da Colina – R$ 60.000,00.
- Ampliação do Posto de Saúde bairro da Luz – R$ 57.000,00.
- Reforma do Posto de Saúde de Santa Lúcia R$ – 149.000,00.
- Incentivo a produção agrícola com baixa emissão de carbono – R$ 1.000.000,00.
- Implantação e modernização do módulo esportivo Jardim da Colina – R$ 260.000,00.
- Centro do Idoso Jardim da Colina – R$ 250.000,00.
- Quadra de Esportes Linha Nossa Senhora das Graças – R$ 250.000,00.
- Aproximadamente 70 abrigos de ônibus/transporte coletivo -  R$ 350.000,00.
- Asfalto até a comunidade de Santa Lúcia – R$ 3.120.000,00.
 Sede própria da Agência do INSS – R$ 1.318.243,50

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Topo