MUNICIPIOS VIZINHOS DISCUTEM POSSÍVEIS PARCERIAS E CONVÊNIOS COM ADMINISTRAÇÃO MUNICIPAL
segunda, 29 de março de 2021


O Prefeito Municipal, juntamente com a Secretaria de Assistência Social, receberam na tarde desta segunda-feira (29), os prefeitos e secretários(as) dos três municípios que fazem parte da comarca de Dois Vizinhos: município de: Verê, Cruzeiro e Boa Esperança do Iguaçu. 

O assunto em pauta, foi a renovação do convênio com a Casa Lar

Além do Prefeito e Secretária, estiveram presentes no ato, a diretora do departamento de assistência social, Roseli Godoi a Coordenadora da Casa Lar de Dois Vizinhos, Cristiane Pavan, o chefe de gabinete, Bruno Lima, o Prefeito do Cruzeiro do Iguaçu, Leonir Antonio Gelhen juntamente com a Gestora da Assistência Social, Marli Maria Negruni Nunes; o prefeito de Boa Esperança do Iguaçu, Givanildo Trumi juntamente com a Gestora da Assistência Social Rozenilda Bitencourt Cecato e a Assessora Jurídica Dra. Alessandra Jeronimo Paganini; representando o prefeito do Município do Vere, Ademilso Rosin, a Gestora da Assistência Social e Primeira Dana, Marciane Chiapetti.

Desde agosto de 2020, a Casa Lar de Dois Vizinhos, não conta com nenhuma criança abrigada. Mas conforme a Secretária de Assistência Social e primeira Dama, Catia Bonin, para manter aberta ela possui um custo elevado, por isso, essa renovação de convênio é de extrema importância, pois além de atender Dois Vizinhos, continuará atendendo os demais municípios pertencentes a comarca, e assim, dividindo os custos, conforme acordo estabelecido.

 

CASA LAR

Tem como objetivo, atender e acolher crianças e adolescentes de 0 a 18 anos sob medida protetiva, por determinação judicial, em decorrência de violação de direitos (abandono, negligência, violência) ou pela impossibilidade de cuidado e proteção por sua família. Este tipo de acolhimento permite o atendimento a grupos de irmãos e de crianças e adolescentes com acolhimento de média ou longa duração.

No máximo a casa pode acolher 10 usuários, e deve estar localizada em áreas residenciais da cidade e seguir o padrão-sócio econômico da comunidade onde estiverem inseridas.

Além deste, outras parcerias e possíveis convênios foram destacados e discutidos.

Fonte: Assessoria de Imprensa da Prefeitura
Visitas: 1334