Secretaria de Viação, Obras e Serviços Urbanos faz relato de 2021
segunda, 10 de janeiro de 2022

Em 2022 as coisas voltarão a acontecer


Na sexta-feira, 07 de janeiro, o Secretário de Viação, Obras e Serviços Urbanos Edimarcos Bonis Dal’Agnol, que é Vereador licenciado, relatou sobre os feitos de sua Pasta em 2021 e perspectivas para 2022.

Chicão, como é conhecido o Secretário, começou agradecendo a confiança em si depositada pelo Prefeito Carlinhos e Vice Nery, agradeceu também à sua equipe de trabalho e disse que o ano de 2021 foi de experiência, abençoado e muito produtivo em realizações, conforme segue.

 

  1. No interior, foram mais de 7 mil cargas de cascalho puxadas, resultando em mais de 7,5 mil metros cúbicos de cascalho britado colocados nas estradas vicinais.

 

  1. Na cidade e no interior foram postos e enterrados mais de 2 mil tubos, para resolver o problema de escoamento das águas fluviais, obra que trará tranquilidade quando das chuvas.

 

  1. Foram reparadas mais de 100 bocas de lobo em bairros da cidade, trabalho este considerado simples, mas muito necessário, porém que há mais de 7 ou 8 anos estava por fazer. 

 

  1. Várias pontes foram restauradas no interior, facilitando e trazendo maior segurança no trânsito de veículos, no transporte de cargas e de passageiros, sobretudo aos ônibus do transporte escolar de alunos.

 

  1. Outros avanços aconteceram, pois o trabalho foi intenso, a exemplo de calçamentos das estradas ou de serras, melhorias nas entradas das propriedades, para facilitar o escoamento da produção.

 

Edimarcos assegurou que o ano de 2022 também promete ser profícuo de realizações, em prol de nossa população do interior e da cidade.

 

  1. Novos contratos serão realizados pela Administração Municipal, para exploração de cascalheiras e retirada de material, objetivando melhorar ainda mais e conservar as estradas vicinais.

 

  1. Onze (11) trechos de calçamentos já foram licitados,   sendo que três estão com as obras em execução, a saber: o que sai da Boa Vista do Chopim até a Linha Tartari, numa distância de 5,5 quilômetros; o trecho de 3 quilômetros e 300 metros, que vai da via asfáltica (PR-281), da propriedade do Link até a Igreja de  Santo Antônio; 2,5 quilômetros que vão do asfalto da UTFPR até o asfalto que vai até a comunidade de São Braz, passando pelo Pinheirinho; 100 metros de uma serra no São Roque, perto do Zanella;   também uma serra, chamada Serra Costa Leite, em Santa Lúcia, já está liberada para o início das obras; em São Pedro do Sul há a previsão de  1,1 quilômetro a ser calçado.

 

  1. Vários outros trechos de calçamentos estão previstos para 2022, para o interior do Município, cujos ofícios requisitórios já foram enviados pela Pasta ao Prefeito buscando a liberação dos respectivos processos licitatórios, contratos e autorizações para início das obras.  

 

  1. As ações para 2022 serão bastante focadas na cidade, disse Chicão, com limpeza geral nos bairros,  obras de asfaltos, de pinturas de meio-fios, obras para resolver pontos de alagamentos.

 

  1. Sobre os alagamentos, o Secretário lembrou ser este um problema que há tempo demanda ação específica e necessária, incluindo a limpeza do rio Girau Alto.

 

Concluiu dizendo que a Secretaria de Viação, Obras e Serviços Urbanos buscará fazer o melhor em 2022,  no interior e na cidade, para que se tenha boas e seguras vias de transporte, limpeza geral, reparos necessários e conservação.

 

Fonte: Assessoria de Comunicação Social e Marketing