A gravidez na adolescência não é brincadeira!
sexta, 07 de fevereiro de 2020


A gravidez na adolescência não é brincadeira!

De acordo com a Organização Mundial de Saúde (OMS), a gravidez na adolescência é considerada entre os 10 e 19 anos de idade, apontada como uma gestação de risco, decorrente das preocupações que traz à mãe e ao recém-nascido e nesta faixa etária pode acarretar em problemas sociais e biológicos.

A Secretaria de Saúde realiza no mês de fevereiro, a campanha de prevenção da gravidez na adolescência, o objetivo é alertar os jovens e adolescentes sobre a prevenção da gravidez na adolescência deixando de uma forma bem clara cada uma das dificuldades enfrentadas. Esse é um trabalho de prevenção para que nossa juventude tenha consciência e aprendizado a respeito de um assunto tão sério.

Segundo relatório da ONUBR, a taxa brasileira de gravidez na adolescência é de 68,4 nascimentos para cada 1.000 adolescentes. Somente no Brasil, nasceram 547.567 filhos de mães adolescentes, sendo: 5.828 de mães com até 13 anos, 20.872 de mães com 14 anos e 520.864 de mães entre 15 e19 anos.

Fonte: Assessoria de Imprensa